Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Prezado Claudecy!
Bem, é um pouco constrangedor falar sobre este assunto mas, creio ter anejaculação. Eu consigo ter orgasmos através da masturbação muito facilmente e algumas vezes tenho também ejaculações noturnas durante o sono.
Fisicamente não tenho nenhuma lesão peniana.
Gostaria de saber que tipo de tratamento deveria fazer e que forma de estímulos poderia tentar com a minha parceira? Está sendo muito difícil para nós.
Conto muito com a sua ajuda!

Marcus, 30 anos | BA

Oi Marcus.
Sei que é ruim ter esse problema, assim como falar dele. Mas você está de parabéns porr ter vencido essa barreira e ter procurado ajuda.
Para um diagnóstico adequado é preciso conversar um especialista em sexualidade. Caso o diagnóstico seja realmente o de anejaculação, o tratamento é psicológico.
Sugiro que você procure um psicólogo que seja especialista em sexualidade para ajudá-lo a resolver essa questão.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Olá tenho 21 anos e tenho anejaculação, acho que são causas psicológicas, pois tenho polução noturna no entanto não consigo ejacular me masturbando, gostaria de saber se é possível eu me curar deste problema? E se existe alguém que já se curou de um problema semelhante a este.

Borges, 21 anos | GO

Oi Borges.
A anejaculação é de fundo psicológico. Não temos dúvida disso.
Quando a pessoa se trata com um profissional que entende do assunto, com certeza ela terá o problema solucionado.
A anejaculação está relacionada a dificuldade da pessoa de entrar em contato com os próprios sentimentos durante o sexo.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Oi Dr Claudecy,
Estou enfrentando um problema seríssimo com o meu namorado, nos relacionamos muito bem , mas na parte sexual estou muito insegura, ele tem um problema que me incomoda muitíssimo e não sei como lidar com a situação, sinto também que o incomoda, é extremamente carinhoso,dedicado e muito atencioso, porém no ato sexual ele não consegue ejacular, é raro qdo consegue, até consegue porém nas maiorias das vezes é se masturbando ao meu lado. já conversei com ele , pediu-me que não cobra-se que ele me amava muito mas, não sabe o que se passa, inclusive disse-me, que isso começou ocorrer no final do casamento dele, afinal já foi casado, depois disso não conseguia mais ejacular nem com a ex- mulher e nem mais com quer outra pessoa. Estamos juntos, ele diz que ama muito, temos um relacionamento maduro e uma ligação forte, mas nunca passei por isso não sei como lidar com essa situação, to desesperada, acho que ele não me ama, inclusive ele tem muito desejo sexual por mim,tem ereção mas infelizmente ...Dr. me ajude não sei a quem recorrer e como agir com ele. será que ele ainda está ligado ao passado dele? Estou confusa e essa situação está aos poucos fazendo com que eu desgaste uma relação tão bonita que há entre nós. muito Obrigada por sua atenção e aguardo sua resposta.

Sol, 42 anos | SP

Olá Sol.
Ao contrário do que muitas pessoas pensam, esse problema realmente incomoda a parceria.
Ver o parceiro atingir o orgasmo faz parte de de um processo, e quando isso não ocorre na maioria das vezes fica uma vazio, uma sensação de algo inacabado. O mesmo sentimento ocorre nos homens, por exemplo, quando a parceira tem dificuldades para atingir o orgasmo.
Não atingir o orgasmo de vez em quando, não tem problemas, mas quando isso é freqüente, é só uma questão de tempo para começar o incômodo e a insatisfação. Tanto para o homem quanto para a mulher, ver o outro atingindo o orgasmo é muito importante para a relação.
Sol, esse problema se chama anejaculação e é totalmente de fundo emocional/psicológico.
As pessoas com essa dificuldade têm dificuldade de ter contado com as emoções, elas precisam de ajuda.
Para a parceria, a primeira coisa que vem é o sentimento de culpa, pois acha que ele está assim por sua causa. Depois começa a duvidar se ele a ama mesmo ou não... Isso só desgasta a relação. O problema é com ele.
Porém, é preciso que um terapeuta sexual o ouça para entender quais as causas e assim poder ajudá-lo a resolver esse problema.
Após eu atender várias pessoas com esse problema, percebo que a anejaculação é apenas um sintoma que está denunciando que algo na vida da pessoa não está bem. E ao explorar vamos percebendo e mostrando os comportamentos das quais elas não se dão conta, mas que precisam mudar.
Caso tenha mais dúvidas ou queira mais algum esclarecimento, pode entrar em contato novamente.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Sou casada há 13 anos e desde o início do meu relacionamento, meu marido não consegue ejacular. Temos um relacionamento maduro e firme. Eu o amo muito e sei que é reciproco, porém, mesmo após várias conversas ao longo destes anos, continuamos com o mesmo problema. Porém não estou tendo mais paciência com esta situação, pois para ajudar, além da falta de ejaculação, nossas relações sexual estão diminuindo gradualmente, o que antes era em torno de 1 a 2 vezes por mês, agora tem sido de 2 em 2 meses. Sei que o problema não esta comigo, pois tenho feito de tudo para ajudá-lo neste sentido, ou seja: ele se retrai quando o procuro, neste caso, eu procuro deixá-lo o mais confortável possível, me cuido mantendo o corpo saudável e o fisico também. Procuro ser carinhosa e corresponder a todos os seus gostos, mais isto não tem surtido efeito algum e estou começando a pensar em separação, pois não aceito mais viver desta forma - incompleta. Tem os conversado muito a respeito e ele tem pensado em buscar ajuda profissional. Sei que dificilmente é possível estipular prazo para isto, mais qual a média para a cura?

Fernanda, 36 anos | SP

Olá Fernanda. Fico muito feliz ao ver pessoas como você tendo comportamentos como esse, de procurar ajuda, antes de tomar decisões precipitadas. Parabéns por isso Fernanda.
Pelo que você descreve, parece que além da dificuldade com a ejaculação, existe também a freqüência das relações que não estão satisfatórias para você.
Fernanda, todo comportamento só se mantém se ele for reforçado, ou seja, se foi bom, se tive algum ganho, vou repetir. É claro que nesse conceito que parece ser simples, existem muitas variáveis que necessitam ser levadas em consideração.
Quanto à ejaculação, não há problema se não ocorre de vez em quando, porém, quando ela nunca ocorre nas relações ou ocorre muito raramente, causa na outra pessoa uma sensação de vazio, de algo inacabado, é como se sempre estivesse faltando algo. E você, na condição de parceira sabe muito bem como isso é ruim. Ao longo dos anos isso pesa muito, incomoda, desestimula.
Você fala que sabe que o problema não é com você, pois se cuida e procura ajudá-lo. Que bom. Na grande maioria dos casos de anejaculação (que é o nome para a ausência ou dificuldade de ejacular) o problema está com a própria pessoa. Porém é preciso avaliar cada caso e entender a causa do problema.
Há outro problema que também está te incomodando, que é a freqüência sexual de vocês. De fato essa freqüência demonstra que provavelmente ele não esteja dando a atenção e tempo adequado para a vida sexual de vocês ou há algum problema que está impedindo-o. Porém, será necessário analisar o porquê disso, o que está causando essa desmotivação para uma vida sexual satisfatória e saudável do casal.
É importante mencionar que todo esse contexto problemático está denunciando que existem questões necessitando de atenção, de cuidados, seja com ele ou com o casal.
Que bom que ele está disposto procurar um ajuda especializada, esse é o primeiro passo para a resolução dos problemas. E parabéns mais uma vez por você estar ao lado dele o ajudando, e apesar da vontade de "abandonar o barco" (se separar), você preferiu escolher solucionar o problema.
Sua pergunta final infelizmente terei que deixar sem resposta, pois qualquer previsão seria mera especulação e eu não estaria sendo ético a agisse dessa maneira.
Compreendo sua ansiedade e vontade de resolver isso o quanto antes, mas é preciso ouvir vocês, entender a dinâmica do casal, conhecê-los, para então dar um retorno mais adequado com base em fatos.
Procurem um psicólogo que seja especialista em sexualidade para ajudá-lo. Esse é o caminho. É isso que você fez ao mandar esse e-mail para mim.
Dependendo da região que estiverem em São Paulo posso indicar algum profissional. Ou se preferirem que eu os atenda, será um prazer.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Dr. Claudecy,
Estou um pouco preocupada com o meu esposo, pois, ele fica com o penis ereto mas não consegue ejacular, isso ja aconteceu 2 vezes, estamos casados a 6 anos e é a primeira vez que isso acontece.Ele tem 40 anos , quando pergunto sobre isso ele me diz que acha que é problema financeiros pois ele e free lancer so ganha quando trabalha e ja tem uns 2 meses que ele não pega trabalho. Sera que isso poder ser mesmo financeiro ou tem uma outra explicação pra isso.Me ajude a resolver isso elo amor de Deus ou me alivie com soluçoes.

Juliana, 29 anos | SP

Juliana, apesar da sua preocupação, dois episódios não são o suficientes para um diagnóstico.
Porém, se isso continuar ocorrendo, o que provavelmente irá acontecer caso ele continue com a preocupação financeira, é o caso de buscar ajuda de um especialista.
Porém, sabemos que todo problema quando detectado no começo, e tratado, é muito mais fácil de resolver.
Essa preocupação financeira, o atrapalha a ter contato com o clima e emoções no momento do sexo, por isso ocorre esse problema.
Para algumas pessoas, dicas como estar com a atenção presente no momento da transa, se envolver com as sensações, podem ser muito úteis. Porém, há pessoas que precisam mais do que dicas, é preciso que um especialista em sexualidade analise o caso para encontrar a origem do problema e então ajudá-lo a resolver.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Ola doutor! Estou lhe enviando este e-mail para q o senhor me ajude. Tenho um namorado a 11 meses ele tem 36 anos e eu 26, ele nunca ejacula e as vezes perde a ereção no ato sexual. A minha frustração é muito grande, mas quando pergunto ele me responde q sempre foi assim. Peguei ele varias vezes vendo pornografias e ele se masturba e ejacula bem rapido. Nao sei o q faço, mas parece q ele nao esta nem ai para este problema q parece nao afetar a ele. Ja conversei incansavelmente com ele sobre esse assunto, mas se ele nao muda de conversa fala q estou precionando. Me sinto feia do lado dele, a falta de interesse dele faz minha auto estima cair muito. Gostaria de saber se isso tem tratamento, pois ele disse a mim q sempre foi assim e q em toda a vida dele so ejaculou tres vezes em uma relação.
Agradeço desde ja !

Tatiane, 26 anos | RS

Tatiana, o que você pode fazer é o que já está fazendo: procurando ajuda especializada.
É muito comum essas pessoas que apresentam essa dificuldade conseguirem ejacular quando se masturbam, mas na relação com a outra pessoa não.
Sim, para essa dificuldade tem tratamento. É preciso que ele procure um terapeuta sexual para ajudá-lo a resolver essa questão. Com base apenas no que você descreveu aqui, tudo indica que seja um caso de anejaculação. Mas é preciso que ele conversar comum profissional para um diagnóstico e tratamento adequado.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Bom dia Doutor Sou casado há 26 anos, amo minha esposa, mas de algun tempo para cá, estou enfrentando um problema muito dificil, pois embora eu tenha desejo de sexo, por mais que eu tente, não consigo ejacular. Será que o senhor podera me ajudar. Um abraço, aguardo ansioso a sua resposta.

Paulo, 67 anos | CE

Olá Paulo.
Que bom que você está procurando ajuda.
É preciso que um profissional analise o caso. Primeiramente é preciso ver se existe alguma questão orgânica envolvida, para isso vá a um urologista. Caso não tenha, então procure um psicoterapeuta sexual para ajudá-lo.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Olá Dr. Fiz 18 anos a pouco tempo e gostaria de esclarecer algumas duvidas em relaçao a Anejaculação . Vamos la : Mantenho relaçoes sexuais dos 13 anos pra cá mas so consegui a ejaculaçao no ato da penetraçao uma unica vez (quando perdi a virgindade aos 13 anos) . O mais estranho é que consigo ejacular quando me masturbo sozinho mas nao consigo quando estou transando e nem quando minha namorada ou qualquer outra mulher me masturba . Durante o ato sexual penso em assuntos cotidianos ,em trabalho ,em estudo ,em meu futuro ... Consigo manter a ereçao o tempo que eu estiver acompanhado ,tive relaçoes com mulheres de muito mais idade que eu e as fiz Cansar ... Sempre tento gozar mas nao consigo , entao por isso sinto sempre que nao acabou ... Gostaria que pudesse me Ajudar . Desde ja ,muito Grato .

Fellipe, 18 anos | RJ

Fellipe, pela sua descrição parece ser um caso de anejaculação mesmo.
Perceba que você diz que durante o ato sexual você pensa que coisas cotidianas e não no ato sexual que está acontecendo. Isso precisa mudar, caso contrário o problema persistirá.
Para que você desfrute da relação bem como de uma boa refeição, de uma brincadeira, de uma conversa... é preciso que você esteja presente naquilo que está fazendo, ou seja, com a atenção focada naquele contexto. Isso fará você se envolver, entrar em contato com a emoção, e então você conseguirá atingir o orgasmo, o que é muito bom e importante para você bem como para quem está com você.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
Estou namorando a 4 meses , ele ja foi casado duas vezes , tem uma filha de 23 e do outro casamento uma de 10 anos , eu tenho 32 e ele 46 , no começo ele não queria nada serio agora estamos namorando ele disse que me ama , mas nas nossas duas ultima relações ele não cosegue ejacular , sinto que ele não me ama mais , me sinto feia ,a cho que o problema é comigo, mas ele trabalha de segunda a segunda , vira noite e disse que ta cansado mas que sente prazer pois trabalha com suporte de computadores , estou muito insegura , fora que o ciumes dele é demais , não sei como fazer a relaçao sexual voltar ao normal , preciso de ajuda , me sinto pessima , e acho que isso pode acabar o relacionamento , pois estamos querendo morar juntos , nossa realação sexual sempre foi frequente , mas depois ele insistiu muito pelo sexo anal que eu nunca tinha feito , fiz para ele vi que ele começou a se interessar mais por isso , mas mesmo assim ocorreu esse problema de ejaculaçao não sei mais o que fazer para ele sentir prazer , sera que ele não sente mais prazer comigo?

Fabiana, 32 anos | SP

Oi Fabiana. Apesar dos relatos fora da questão sexual mostrarem que algo não está bom nessa relação, é importante esclarecer algumas coisas.
É muito comum quando o homem tem alguma falha com a ereção, desejo ou mesmo com a ejaculação, a mulher pensar que o problema é ela. Na maioria das vezes não é. Mas é preciso investigar.
Normalmente essa dificuldade do homem ejacular está associado a questões dele mesmo, entre elas, a dificuldade de entrar em contado com as próprias emoções.
E veja só, você está sofrendo, se achando feia e culpada por isso. Calma, pode não ser nada disso. Perceba que ele diz estar sempre muito cansado e assim fica difícil conseguir disposição para se dedicar ao sexo.
O primeiro passo você já deu, que é se expor pedindo ajuda. Agora é importante que você continue. Esse e-mail está longe de ser a solução para seus problemas. Vá atrás de entender mais sobre seus sentimentos e essa insegurança que está acabando não só com a relação como também com você.
Sugiro que você procure um psicólogo para ajudá-la.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

AddThis Social Bookmark Button
olá dr, a anejaculação pode ser causada por falta de sensibilidade na glande do pênis? Apresento este problema na hora da relação, mas quando me masturbo gozo normalmente.

Andrew, 33 anos |

Oi Andrew. Parabéns por procurar ajuda.
Não, não pode. Inclusive você mesmo disse que ao se masturbar consegue, o que mostra não tem funcamento essa hipótese.
Seria muito bom você procurar um psicólogo especializado em sexualidade.

Um abraço
Claudecy de Souza
Psicólogo – 06/69861
Terapeuta Sexual
Psicólogo Comportamental Cognitivo
www.claudecy.com.br | contato@claudecy.com.br

Em: Anejaculação (Dificuldade para ejacular)

Página 2 de 3

2